sexta-feira, 19 de dezembro de 2014

Entrevista com José Rothadi - Autor de: FRAGMENTOS DE PALAVRAS

José Rothadi
Nascido em 15 de abril de 1961 na cidade de São Paulo (SP), divorciado, funcionário público, graduando do curso de Pedagogia com licenciatura plena (UNIFESP - EFLCH).Universidade Federal de São Paulo - Escola de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, Campus Guarulhos - SP, Turma de 2010. José Rothadi participou da 22ª Bienal do Livro de São Paulo (2012) com o lançamento do livro Um Rastro de Poesia e da 23ª Bienal do Livro de são paulo (2014) com o lançamento do Livro Fragmentos de Palavras, ambas do Grupo Editorial Scortecci - São Paulo - SP.
Com o gosto pela leitura, que cultiva desde a sua adolescência, ainda na década de 80 enveredou-se com ousadia a trilhar seus caminhos escrevendo poesias, explorando o universo de sua intuição e conhecimento na busca permanente pela sabedoria, como uma provocação, contrapondo-se à sua construção física e mental, às realidades psicossociológicas de seu currículo oculto, social e cultural. Superando, contrariando e subvertendo a todas as expectativas das razões improváveis. Adotou o pseudônimo “José Rothadi” em homenagem a Rosana Lopes e aos filhos Thamires e Diogo, seus amores mais expressivos, motivo de sua inspiração, a quem dedica a sua criação literária com toda a ternura e carinho do querer.

Em 86 poemas de muita sensibilidade, o poeta nos confidencia suas impressões de passagens de sua vida e de suas inquietações. O livro é dedicado ao filho Diogo, filho amado, e um grande incentivador de sua carreira. São poemas ternos, com linguagem leve e verdadeira. A poesia de José Rothadi é pessoal, mas transcende o individual reverenciando a essência do mais terno amor.
Vem através de sua obra expressar o seu cotidiano nos vários aspectos da interpretação das palavras. Manifestando a sua sensibilidade com a percepção de sua alma de menino, transformando os seus sentimentos em mensagens de poesias.

Olá José. É um prazer contar com a sua participação no Blog Divulgando Livros e Autores da Scortecci do Portal do Escritor.
Do que trata o seu Livro? Como surgiu a ideia de escrevê-lo e qual o público que se destina sua obra?
O livro reúne poesias e foi a realização de um sonho de adolescente de reverenciar, através das palavras, a essência do mais terno amor.

Fale de você e de seus projetos no mundo das letras. É o primeiro livro de muitos ou apenas o sonho realizado de plantar uma árvore, ter um filho e escrever um Livro?
Sou um apaixonado pela leitura, que cultivo desde a minha adolescência, e essa característica fez surgir em mim a necessidade de me expressar e explorando o universo de minha intuição e conhecimento na busca permanente pela sabedoria, como uma provocação, contrapondo-me à minha construção física e mental, às realidades psicológicas de meu currículo oculto, social e cultural. Superando e subvertendo todas as expectativas das razões improváveis. Escrever é uma necessidade, como respirar.

O que você acha da vida de escritor em um Brasil com poucos leitores e onde a leitura é pouco valorizada?
Antes de sonhar é preciso acreditar na possibilidade de ver esse sonho realizado e acreditar na transformação das pessoas pela magia das palavras. Explorar o universo da fantasia e imaginação dos leitores, compartilhando experiências e sentimentos. No meu caso sou movido a exercitar a escrita, motivado e impulsionado por uma inquietação emergente de mina alma, alma de menino sonhador. Por isso, apesar da leitura não ser valorizada como deveria ser em nosso país, acredito no poder das palavras e lentamente o  universo de leitores no Brasil vai aumentando. Pode não ser na proporção que gostaríamos, mas isso é uma realidade.

 Como você ficou sabendo e chegou até a Scortecci Editora?
Buscando, pela internet, sites de concursos literários, encontrei a janela Portal Do Escritor e enviei meus poemas que foram publicados na Antologia Entrelinhas Literárias de 2011. A partir de então, tornei-me parceiro da Scortecci Editora, tendo, até o momento, participação em Antologias Coletivas Literárias que são: Entrelinhas Literárias, 2011; Nossa História, Nossos Autores – 2012; Palavras Desavisadas de Tudo – 2013; Incertezas e suasFragilidades – 2014; Cumplicidade de Movimentos – 2014. Pela Scortecci Editora tive a honra e o privilégio de participar da 22ª e 23ª Bienal do Livro de São Paulo (2012-2014) lançando os livros Um Rastro de Poesia (2012) e Fragmentos dePalavras (2014).

O seu livro merece ser lido? Por quê? Alguma mensagem especial para seus leitores?
Sim, meu livro merece ser lido. Nele os leitores encontrarão não só o amor de José Rothadi, mas o seu próprio amor, porque a Poesia transcende a expressão individual e por esse motivo é uma Arte, arte das palavras, e dessa forma nos encantamos todos com o mais sublime dos sentimentos: o Amor.


Obrigado pela sua participação.

Um comentário: