quinta-feira, 2 de abril de 2015

Entrevista com Johann Nogueira - Autor de: ESCOLHAS DO CORAÇÃO

Nasceu em Macaé, Rio de Janeiro. Passou a escrever aos onze anos, com a simples intenção de expressar os sentimentos, mas com o passar do tempo, acabou se rendendo sem medo à mente barulhenta.
Este é o primeiro livro de sua carreira, inspirado em nada mais que o desapego em relação aos pensamentos burocráticos sobre a vida e a morte.
Hoje, estudante do Instituto Federal Fluminense, mantém o seu irrefutável amor por música e escrita, e alimenta cada vez mais seu desejo de mostrar que as loucuras da sua mente contém também uma porção considerável de sensatez.

Retrata a vida de Luca e sua família. O garoto com o passar do tempo desenvolve um pensamento crítico sobre a vida e os sentimentos que entrelaçam-na. Sua dificuldade de lidar com outras pessoas e a quietude que costuma blindá-lo, porém também restringi-lo do mundo, são fatores suficientes para fazê-lo supervalorizar seus sentimentos. O fato de ele não questionar o coração não significa propriamente que mostrará contrariedade a ele.
O preço que se paga pelo amor incondicional é conviver com questões inexplicáveis e irrespondíveis.


Olá Johann. É um prazer contar com a sua participação no Blog Divulgando Livros e Autores da Scortecci do Portal do Escritor.

Do que trata o seu Livro? Como surgiu a ideia de escrevê-lo e qual o público que se destina sua obra?
Trata-se da história de um garoto que se deixa levar pelos seus sentimentos, justamente por ter somente eles a que se agarrar. Traz de forma implícita os questionamentos que eu queria fomentar. Nunca houve uma ideia inicial. Mas sempre quis escrever um livro, e as coisas apenas fluíram até que percebi que estava compondo algo publicável. O público alvo é aquele que tem visão ampla sobre a vida e costuma seguir as escolhas do coração.

Fale de você e de seus projetos no mundo das letras. É o primeiro livro de muitos ou apenas o sonho realizado de plantar uma árvore, ter um filho e escrever um Livro?
Espero publicar outros posteriormente. O próximo já está em curso, e espero tornar a escrita parte da minha vida. Algo realmente profissional.

O que você acha da vida de escritor em um Brasil com poucos leitores e onde a leitura é pouco valorizada?
É difícil. No Brasil, as pessoas dão mais valor à literatura estrangeira. Mas nem sempre escolhemos os nossos amores. E eu amo escrever e, com certeza, não deixarei de fazê-lo por supostas dificuldades.

Como você ficou sabendo e chegou até a Scortecci Editora?
Através de pesquisas. Os comentários eram positivos, e não me arrependo de ter escolhido a editora.

O seu livro merece ser lido? Por quê? Alguma mensagem especial para seus leitores?
Sim. Pois passa história e mensagem bem bacanas, e desperta certas reflexões. Vocês, leitores que se arriscarem a compreender as loucuras de Luca, estarão pondo em questionamento as escolhas que o próprio coração faz. Espero que leiam e se entretenham.

Obrigado pela sua participação.

Um comentário:

  1. É emocionante ler sua obra e ver em quem você se transformou! Te conheço desde de criança e torço muito pelo seu sucesso! Parabéns! Muita luz e sucesso para sua vida!

    ResponderExcluir