segunda-feira, 13 de julho de 2015

Entrevista com Sérgio Paiollo - Autor de: SAPO NÊS O GRANDE REI PREDESTINADO

Sérgio Paiollo
É enfermeiro graduado em 1989, também possui graduação em administração de empresas em 2007. É autor do conto: Consciência e Ética fazem a diferença! No livro Antologia Palavras Desavisadas de Tudo em 2013.





Sapo Nês - O Grande Rei Predestinado
Nês é um sapinho simpático e querido por seus amigos. Ele vive tranquilamente em um açude com muitas taboas e aguapés, mas uma tragédia acontece devido à ação humana e ele é o único sobrevivente. Tudo fica ainda mais complicado quando o sapinho recebe uma inesperada revelação: Nês é o Grande Rei Predestinado do Reino da Girinolândia! E junto com seus três novos amigos, Nês precisará chegar ao Reino da Girinolândia e escapar das temíveis criaturas do lodo verde e negro que querem tomar o poder do Grande Rei! Superação, Amizade, Aprendizado e Aventura fazem parte desta história.
Olá Sérgio. É um prazer contar com a sua participação no Blog Divulgando Livros e Autores da Scortecci do Portal do Escritor.

Do que trata o seu Livro? Como surgiu a ideia de escrevê-lo e qual o público que se destina sua obra?
O livro Sapo Nês conta a história de um sapinho que perdeu tudo em uma tragédia e recebe a ajuda de um pardal. Ao saberem que é o Rei Predestinado de um reino chamado Girinolândia partem para este lugar. No caminho salvam a vida de um cachorro, que se torna amigo. Depois ajudam um gato em apuros que também se une ao grupo. O quarteto amigo enfrenta o ataque dos Lodos Verde e Negro e....PRA SABER MAIS TEM QUE LER O LIVRO.
O primeiro personagem foi o pardal, e depois veio o sapo, o gato e o cachorro. Aí a ideia foi surgindo e sendo moldada. Mas o Sapo é o personagem central.

Fale de você e de seus projetos no mundo das letras. É o primeiro livro de muitos ou apenas o sonho realizado de plantar uma árvore, ter um filho e escrever um Livro?
É o meu primeiro livro. Mas em 2013 já tinha publicado um conto no livro Antologia Palavras Desavisadas de Tudo, pela Editora Scortecci. Com certeza haverá muitos outros, pois tenho escrito bastante nos últimos 05 anos e pretendo continuar, pois gosto muito de escrever. Quero investir e me aprimorar neste universo fantástico.

O que você acha da vida de escritor em um Brasil com poucos leitores e onde a leitura é pouco valorizada?
Não é fácil. Eu manterei minha atual profissão (Enfermeiro). Eu desejo o sucesso na arte de escrever, mas tenho lido sobre a vida de escritor no Brasil e as informações são bem realistas: não dá pra viver só de escrever, embora haja as exceções, não só no Brasil, mas no mundo.

Como você ficou sabendo e chegou até a Scortecci Editora?
Logo que decidi escrever comecei a pesquisar na internet sobre publicações de livros no Brasil. Li sobre João Scortecci e sua editora. Fiz um curso com eles e gostei muito deles.

O seu livro merece ser lido? Por quê? Alguma mensagem especial para seus leitores?
Sim, o meu livro merece ser lido. É infanto-juvenil, mas serve também para adultos. No livro aborda sobre muitas coisas: Poder, Soberba, Humildade, Discernimento, Superação as dificuldades da vida, Maus tratos a animais e outras coisas. Mas as duas características principais, ao meu ver, são: Amizade e Preocupação com o próximo. O Sapo Nês teve sua vida salva por uma amiga. Desesperado, com a morte da amiga, recebe a ajuda do pardal Zinho. No caminho Nês e Zinho adiam a ida a Girinolândia e ajudam a salvar a vida do cachorro Nero conquistando um novo amigo. Os três ajudam o gato Tinho que estava em apuros, completando assim um quarteto de amizade. Diante do ataque dos lodos, os quatro são fieis a amizade e ajudam-se mutuamente durante a luta. Acho que tudo isso pode levar aos leitores os valores de Amor e Amizade.


Obrigado pela sua participação.



Nenhum comentário:

Postar um comentário