segunda-feira, 2 de maio de 2016

Entrevista com Anne Lieri - Autora de: CAÇADORES DA COLHEITA



Nasceu em São Paulo, SP, Brasil. Professora de educação infantil e História.
Sempre gostou de lecionar, mas sua grande paixão é escrever. Participou de diversas antologias de contos infantis e poesias.
Foi uma das vencedoras do concurso de professores/escritores "Valeu professor" da Secretaria Municipal de Educação, com o conto infantil "Pedro Baleia”, que resultou numa obra coletiva.
Publicou de forma independente seis livros infantis: Lenita, a menina voadora, A menina voadora na escola, Aventuras da menina voadora, Histórias de fadas, A tartaruguinha japonesa e A busca de Talita.
Também tem um romance adulto publicado: Mar de Paixões. “Caçadores da Colheita” é seu segundo romance para adultos.

Em 1963 numa pequena cidade dos EUA chamada Charleston a manhã transcorre tranquilamente para Julie Baker. Enquanto serve o café na lanchonete onde trabalha ela testemunha um atropelamento.
Os investigadores Fernando Corey e Albert Melvin chegam ao local e concluem que não foi um acidente, mas um crime cometido por uma organização secreta: “Caçadores da Colheita”.
Essa organização busca justiça contra nazistas que não foram punidos por seus crimes durante a segunda guerra mundial.
Uma reviravolta levará os personagens ao Brasil, num luxuoso hotel, onde o famoso detetive Arthur Neill passa suas férias sem saber que terá um assassinato a desvendar!
Envolvidos na trama estão o médico Agostinho Valentino e sua inocente família, o jurista Arry Palmieri, a atriz Nina Loretta e outros personagens misteriosos numa história de crime e paixão!
Olá Anne. É um prazer contar com a sua participação no Blog Divulgando Livros e Autores da Scortecci do Portal do Escritor.

Do que trata o seu Livro? Como surgiu a ideia de escrevê-lo e qual o público que se destina sua obra?
Caçadores da Colheita é um romance que trata de crimes de guerra não punidos.
Gosto muito de histórias da segunda guerra mundial, mas a ideia nasceu e tomou forma quando li sobre mulheres nazistas que serviram em campos de concentração, com patentes semelhantes aos homens ou auxiliando seus maridos. Essas mulheres tiveram ativa participação no extermínio de judeus, em especial, crianças judias e muitas saíram impunes ao final da guerra.
Pensei que era um tema que merece ser falado, conhecido e discutido. Apesar de não ser um romance histórico, mas sim uma ficção, há fatos verdadeiros na trama.
Além disso, sempre quis escrever um romance de suspense, do tipo Agatha Christie, de quem sou fã e homenageio com este livro.
Destina-se ao público adulto de modo geral, pois tem suspense, aventura e romance.

Fale de você e de seus projetos no mundo das letras. É o primeiro livro de muitos ou apenas o sonho realizado de plantar uma árvore, ter um filho e escrever um Livro?
Esse é meu segundo romance para adultos.
O primeiro (Mar de Paixões) é um romance do tipo água com açúcar e bem curtinho.
Tenho seis livros infantis publicados, mas como gosto de escrever de tudo resolvi me desafiar e construí esse romance de suspense mais elaborado que o primeiro.

O que você acha da vida de escritor em um Brasil com poucos leitores e onde a leitura é pouco valorizada?
Com a Internet creio que as pessoas estão lendo mais, pois tudo que se deseja aprender está ao alcance de um clique, entretanto são poucas as pessoas que compram livros e, quando compram são autores consagrados ou que estão na moda (de qualidade duvidosa).
Não há espaço para novos autores, a não ser com produção independente. O governo não investe em novos escritores. Poucos são os que conseguem um patrocínio para produzir e divulgar seus livros.
Isso me entristece porque a cultura literária é a última categoria artística a ser pensada nesse país e temos grandes talentos ocultos por aí que mereciam uma chance.

Como você ficou sabendo e chegou até a Scortecci Editora?
Eu conheço a Scortecci há muitos anos pela internet e vi seu crescimento, credibilidade e atuação efetiva na divulgação de seus escritores, o que não acontece em outras editoras.
Um dia postei uma foto do meu livro mais recente no Facebook e escrevi: - Essa eu não mostrei pra ninguém.
O editor João Scortecci viu e compartilhou dizendo: _ Então, vamos mostrar pra todo mundo!
Mesmo o livro sendo de outra editora ele teve essa generosidade e foi aí que comecei a prestar mais atenção a essa editora.
Foi isso que me fez escolher a Scortecci, pois é um grande diferencial.

O seu livro merece ser lido? Por quê? Alguma mensagem especial para seus leitores?
Quem deseja entretenimento sem culpa, horas de leitura simples e agradável, para se divertir, se emocionar, se revoltar e sonhar, pode ler que irá gostar.
Se esse livro merece ser lido? Se tivesse tempo leria todos os livros do mundo! Todo livro merece ser lido!
Meu recado para os leitores é:ponha os pés pra cima e tire um momento para apreciar essa história que vale a pena!

Obrigado pela sua participação.

8 comentários:

  1. Um livro com certeza que prenderá atenção e trará muitos sentimentos à tona. Adoro ler os livros de Anne, sucesso em mais uma caminhada

    ResponderExcluir
  2. Parabéns pela entrevista e sucesso, Anne !

    ResponderExcluir
  3. Olá!
    Sem sombra de dúvidas vai ser um sucesso pois a ecritora e amiga é um ser humano fenomenal e não nos vai deixar a desejar nada... tenho certeza!
    Abraço fraterno

    ResponderExcluir
  4. Além de ser uma pessoa fantástica,muito humana e gentil,Anne escreve com a alma,toca nossas emoções!Seu trabalho é inspirador e seguramente o novo trabalho terá justo reconhecimento pelo público leitor,parabéns!

    ResponderExcluir
  5. Parabéns querida, é bem isso aí, divulgar valores literários.Sucessos para você. Como faço para entrar neste clã? Beijos

    ResponderExcluir
  6. Gostei da entrevista!
    Anne Lieri com seu talento e sensibilidade agrada leitores de todas as idades.
    Sua escrita é cativante e agradável.Sou fã.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  7. Anne..Fiquei feliz em encontrar esse
    novo espaço .
    Não conheço seu livro ,
    mas tenho certeza é uma obra prima conheço
    seu grande talento minha amiga.
    Beijos saudades.
    Evanir..

    ResponderExcluir
  8. Parabéns a Anne, será um sucesso, na certa. abrçs

    ResponderExcluir