quarta-feira, 26 de outubro de 2016

Entrevista com Maria Martha - Autora de: CENÁRIO DA VIDA

Nasceu em Codó (MA). Poeta, Escritora, Atriz- Cia das Artes de São Paulo. Recebeu diploma de “Menção Honrosa Especial” no 5º Concurso da Poesia Internacional com o poema “Mar” em 30/12/1992; participou da Antologia “Poetas da Ponte”; Recebeu Menção Honrosa do Concurso Literário Fulguras do Amor com o poema “A Luz do Amor”; Menção Honrosa no Concurso Erotismo em Rijas Asas com o poema “Festim Sensual”; Participou das Antologias: Contos dos Grandes Autores Brasileiros; Os Mais Belos Poemas de Natal; Antologia de Poetas Brasileiros – vol. 81; Participou da Antologia Nossa História, Nossos Autores pelos 30 anos da Editora Scortecci na 22ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo; Tem publicado oito livros de Poesias: “Caminhos” (1984); “O Sol Acorda Meu Canto”; (1986); “Rosa de Vidro” (1988); “Areia Velha” (1989) em Parceria com Carlos Cunha da Academia Maranhense de Letras; “Pégasos do Meu Sonho” (1990); “Aeroporto de Ilusões” (1992); “Vida nua e Pura” (1994); “A Garra da Loba” (2002). Atualmente Tem se dedicado a escrever romances de ficção; Roteiros; Contos Infantis e Dramaturgia.

Um livro de poemas com versos sentidos que remente as emoções, o sexo, a solidão e também a festa. Uma gama variada de sentimentos, da luxúria ao comedimento conventual, da lassidão espiritual a extasia carnal. Seria interessante ler "Cenário da Vida", escutando Schonberg.






Olá Maria Martha. É um prazer contar com a sua participação no Blog Divulgando Livros e Autores da Scortecci do Portal do Escritor.

Do que trata o seu Livro? Como surgiu a ideia de escrevê-lo e qual o público que se destina sua obra?
Trata-se de um livro de poemas, surgido da ideia de comemorar meus 30 anos na vida literária.O primeiro pensamento foi a trilogia que estou escrevendo baseado na mitologia grega mas, não houve tempo para o término da obra. Usando o os primeiros capítulos para participar da Antologia "Palavras Abraçadas" da Scortecci Editora.Então me veio a ideia de de escolher e reunir os poemas dos oito livros de poemas já lançados e surgiu este livro belo "Cenário da Vida". Esta obra é destinada a todos nós, ou seja, abrange os sentimentos que todo Homem sente.

Fale de você e de seus projetos no mundo das letras. É o primeiro livro de muitos ou apenas o sonho realizado de plantar uma árvore, ter um filho e escrever um Livro?
Nossa! São muitos em relação a literatura em geral. "Cenário da Vida", como costumo falar é meu nono filho. Escrevo desde muito jovem e espero que as minhas obras sejam reconhecida no mundo inteiro. (O primeiro passo eu já tenho:SONHAR!) Ainda este ano, pretendo enviar para minha Editora duas obras para confecção das mesmas. Um conto infantil "Lorde Scot" - O gato conquistador e minha primeira dramaturgia a qual haverá necessidade de afastamento de outras atividades em um prazo estimado inicialmente de dois meses.

O que você acha da vida de escritor em um Brasil com poucos leitores e onde a leitura é pouco valorizada?
Triste né? Mas, acho que essa visão mesmo um pouco remota, está chegando aos poucos porque nosso povo é bravo, lutador! E existem pessoas da classe que persiste e insiste em divulgar e correr atrás de mostrar seus trabalhos. Mas, acredito que aos poucos chegamos lá.

Como você ficou sabendo e chegou até a Scortecci Editora?
Uma busca e pesquisa pela internet. Quando citei acima que há pessoas da classe que acreditam no mundo das letras do nosso País estava pensando exatamente, na Scortecci Editora. Há 4 anos esta Editora me conquistou completamente. Visto a grande oportunidade que oferece aos autores que não possuem grandes valores aquisitivos a comercialização de livros em pequenas tiragens.

O seu livro merece ser lido? Por quê? Alguma mensagem especial para seus leitores?
Primeiro, é um livro de poemas que remete com versos sentidos que as emoções, o sexo, a solidão e também a festa que todos nós mortais sentimos. Uma gama variada de sentimentos, da luxúria ao comedimento conventual, da lassidão espiritual a extasia carnal. "Cenário da Vida" deve ser lido por falar de todos nós.

Obrigado pela sua participação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário