quinta-feira, 23 de agosto de 2018

Entrevista com Irlen Leal Benchimol - Autora de: OS PIRATINHAS DO BEM NO MUNDO DAS DIFERENÇAS

Nascida em Manaus Am,formada em Direito, Servidora Pública. Inspiração das aventuras dos piratinhas do bem, seu filho Ilan.
Autora dos Piratinhas do bem Navegando pela Amazônia, Os piratinhas do bem no mundo da imaginação em A casa mal assombrada também.






Meneslau era um homem muito rico e emburrado que vivia em uma mansão chamada Paraíso, mas de paraíso não tinha nada. Ele tinha um filho chamado Eugênio, de 9 anos, que nasceu com síndrome de Down. Menino bom, inteligente, a alegria da escola em que estudava. O pai nem sequer falava direito com ele. Um belo dia, Eugênio descobriu como mandar um e-mail e imediatamente enviou um para os piratinhas do bem, contando de sua síndrome, como vivia e querendo informações de como fazer para entrar no grupo.´



Olá Irlen. É um prazer contar com a sua participação, novamente, no Blog Divulgando Livros e Autores da Scortecci do Portal do Escritor.

Do que trata o seu Livro? Como surgiu a ideia de escrevê-lo e qual o público que se destina sua obra?
Nessa aventura temos como personagem principal da história, um garotinho chamado Eugênio que nasceu com síndrome de down ou o cromossomo do amor! Tudo gira em torno de como ele se sente em relação a seu pai e pede ajuda aos piratinhas do bem, onde é recebido e aceito do jeitinho como ele é.
Passando a mensagem aos leitores que todos podemos aprender uns com os outros, sem qualquer distinção.
A ideia de escrever sobre o tema veio da necessidade de esclarecer a muitas pessoas que as crianças com síndrome de down, são iguais a todas as outras as crianças e que todos temos nossas limitações: uns mais outros menos. E que fazem parte da nossa sociedade também. E hoje posso dizer com conhecimento de causa que fico muito feliz em conhecer algumas dessas crianças e fazer parte de alguns momentos da vida delas pois elas transmitem muita alegria a todos ao seu redor.
Indico a todos os pais, crianças e ao mundo inteiro o meu terceiro livro infantil: Os piratinhas do bem no mundo das diferenças: Em navegando contra o mal.
Vale a pena conferir a leitura!

Fale de você e de seus projetos no mundo das letras. É o primeiro livro de muitos ou apenas o sonho realizado de plantar uma árvore, ter um filho e escrever um Livro?
Gostaria de transformar meus livros em desenhos animados ou filmes, e ensinar algo bom que toque o coração das crianças, para que elas acreditem em um mundo melhor. E, principalmente, respeitar a todos e acreditar no bem contribuindo com boas ações para um mundo cada vez melhor. Esse é o meu terceiro livro da coletânea dos piratinhas do bem.
Em breve publicarei outros livros da coletânea e o segundo livro da minha segunda coletânea Por trás do Pôr do Sol – Os anjos e seus amores.

O que você acha da vida de escritor em um Brasil com poucos leitores e onde a leitura é pouco valorizada?
Sempre penso em atravessar a ponte da vida e conseguir mais leitores.
O importante é jogarmos as sementes.
Quanto mais livros, mais sementes.

Como você ficou sabendo e chegou até a Scortecci Editora?
Pela internet.
Gostei muito da editora e dos seus funcionários e do tratamento dispensado aos escritores.
Muito obrigada a todos da editora pela colaboração.
E também a ilustradora Vivian Saad pelo seu lindo trabalho.

O seu livro merece ser lido? Por quê? Alguma mensagem especial para seus leitores?
A todos que se interessarem por uma leitura engraçada, criativa, educativa, que desperta o imaginário das crianças e ensina um pouco dos verdadeiros valores da vida: o amor, o respeito, a igualdade, fazer o bem sem olhar a quem.
Convido a todos a abrir a porta de vários mundos e viver neles, por alguns momentos.

Obrigado pela sua participação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário