sábado, 1 de outubro de 2016

Entrevista com Ana Maria Di Giacomo - Autora de: ESTRELA CRIANÇA

Ana Maria veio da Itália com seu pais, após a Segunda Guerra Mundial partindo de um país em ruínas, destruído por completo. Eram oito pessoas, os genitores e seis filhos, cinco homens e a caçula, Ana Maria, na época com 4 anos de idade. Herdou de seu pai essa pequena veia de observar as voltas que a vida dá e as nossas reações. Aprendeu com ele a espirituosidade e os trocadilhos. Também seu lado mágico, lírico e sensível. Era a menina de seus olhos, um cristal que ele admirava, cuidava, protegia, a lhe falava sobre as ciladas da vida, os cuidados que devia ter para não sofrer, sempre mantendo o respeito e em qualquer situação honrando a vida e seu nome. Aprendeu com ele a superar situações dolorosas e também que não é preciso ir muito longe para encontrar a alegria e a felicidade, porque elas estão dentro de nós. Valoroso é viver sempre de bem com a vida. Sua reverência ao homem e pai Carlo Di Giacomo.

Hoje, lança sua primeira coletânea de 70 poemas, em edição comemorativa aos seus 70 anos de vida e sensibilidade.

"A poesia de Ana Maria revela o espírito da mulher, vasto demais para os limites da vida. Nestas páginas vi esperança de criança, solidão, desejo de liberdade, bom humor, espiritualidade, encantamento diante da beleza. São poemas de sentimento. Absolutamente francos e declarados sem disfarces em pretensões literárias. Que o leitor, como eu, possa se deliciar. Para tanto é preciso abrir a mente, a imaginação, a sensibilidade." (Regina C. Di Giacomo)







Olá Ana Maria. É um prazer contar com a sua participação no Blog Divulgando Livros e Autores da Scortecci do Portal do Escritor.

Do que trata o seu Livro? Como surgiu a ideia de escrevê-lo e qual o público que se destina sua obra?
Trata-se de pura poesia, vinda do sentimento escrita nos últimos anos. Resolvi publicar esta coletânea em comemoração ao meu aniversário de setenta anos de idade. É para para qualquer um que goste de poesia.

Fale de você e de seus projetos no mundo das letras. É o primeiro livro de muitos ou apenas o sonho realizado de plantar uma árvore, ter um filho e escrever um Livro?
Continuo a escrever e tenho vários poemas inéditos. Desejo para o futuro publicar um segundo livro da mais pura emoção.

O que você acha da vida de escritor em um Brasil com poucos leitores e onde a leitura é pouco valorizada?
Apesar das dificuldades do nosso país, escrever é prazeroso e gratificante. Penso que não devemos desanimar de incentivar a leitura a públicos de todas as idades. Afinal, cada leitor vale a pena.

Como você ficou sabendo e chegou até a Scortecci Editora?
Através de um autor amigo conheci a Scortecci que superou as minhas expectativas como Editora, pelo seu profissionalismo, atenção e apoio ao autor.

O seu livro merece ser lido? Por quê? Alguma mensagem especial para seus leitores?
Espero que "Estrela Criança" proporcione ao leitor uma experiência literária prazerosa, afetiva e libertadora, assim como foi para mim escrevê-lo.

Obrigado pela sua participação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário