quarta-feira, 22 de novembro de 2017

Entrevista com A. Cordeiro - Autor de: OURO D`ÁGUA

Nome literário de Antônio Cordeiro Filho.
É natural de São Paulo, Capital. Foi empresário e atualmente presta serviços na sua área de atuação. É Professor, Mestre e Doutor e leciona em Universidades como UNIFESP – Universidade Federal de São Paulo (EPPEN), PUC-SP e FMU disciplinas que tem relações técnicas nas áreas de Seguros, Previdência, Saúde Suplementar e outras correlatas. Dá aulas também da Escola Nacional de Seguros – em cursos de Atuária, Previdência, Seguros e Riscos. Foi professor também de outras Universidades e atuou no mercado financeiro, imobiliário e segurador. Conheceu o Pantanal com suas identidades durante inúmeras viagens por quinze anos por toda a região. Este livro está pronto há muito tempo. Precisamente desde 2001. Manteve a essência da época e a verdade de hoje. Este é seu primeiro voo nas letras como romancista. Tem livros técnicos publicados pela Editora Atlas. Escreve para Revistas, dá entrevistas para jornais e faz palestras.

Laneiro é uma pessoa que se desenvolveu no mercado financeiro quando jovem e acompanhou o Sistema Financeiro Habitacional deslanchar no Brasil. Aproveitou esse conhecimento e montou uma imobiliária para vender os seus serviços aos empreendedores de construção civil que se aventuraram – na época - num mercado de grande demanda e pouco explorado. O mercado de construção civil habitacional. 
Ele é o protagonista contando parte da história. Foi uma pessoa que demonstrou, em suas atitudes, grande credibilidade e conseguiu êxito no seu trabalho. No início com sócios... depois sozinho. Não suportava fracos, medrosos e mentirosos. Em suas relações de negócios teve a felicidade de conhecer no mercado financeiro uma pessoa especial: Eledoy Gripp. Nesses anos de grande amizade fez negócios grandiosos com o Banco Cittá Union e entidades bancárias do governo.

Olá Antônio. É um prazer contar com a sua participação no Blog Divulgando Livros e Autores da Scortecci do Portal do Escritor.

Do que trata o seu Livro? Como surgiu a ideia de escrevê-lo e qual o público que se destina sua obra?
A história se passa no final dos anos 90 e mostra a corrupção entre órgãos públicos e bancos privados e a virada louca do dólar em final de 99 no governo do FHC. Há quebra de bancos, morte, traições e investigação de onde foram parar os ativos garantidores do cofre de um dos bancos que é o banco da história. O Pantanal é parte do Fundo ou do cenário dessa investigação. Barcos hotéis existentes na região de Corumbá / Mato Grosso é também um dos outros cenários. Há ecologia, passeios, pescarias, amor e ódio. Surpresa ao final.

Fale de você e de seus projetos no mundo das letras. É o primeiro livro de muitos ou apenas o sonho realizado de plantar uma árvore, ter um filho e escrever um Livro?
Já plantei muitas árvores, já tenho filhos adultos e netos. Já escrevi vários livros de caráter técnico financeiro e atuarial que é a minha área atual de trabalho e docência. Literatura de Ficção como OURO D'ÁGUA é o meu primeiro livro. Quem sabe?

O que você acha da vida de escritor em um Brasil com poucos leitores e onde a leitura é pouco valorizada?
Optar por ser escritor pode ser uma viagem cheia de obstáculos. Mas o talento sempre desabrocha em algum dia. Escrever está no sangue... sugiro sempre ter uma atividade paralela para sobreviver...

Como você ficou sabendo e chegou até a Scortecci Editora?
Quem me indicou a Editora Scortecci foi um autor que já publicou com vocês. Mário Rubens (Maruam).

O seu livro merece ser lido? Por quê? Alguma mensagem especial para seus leitores?
Acho que sim. Deve ser lido por quem gosta de novos horizontes do mundo, conhecer outros lugares, enxergar os riscos de algumas atividades. Enfim, ficar esperto com o mundo ...

Obrigado pela sua participação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário